Voltar para notícias

Fábio intercede junto a relator para garantir adicional de periculosidade a moto-entregadores

18 nov 2013 | Notícia | Escrito por: Redação | Compartilhe

O deputado federal Fábio Trad(PMDB-MS) vai votar favoravelmente ao projeto de lei aprovado pelo Senado que estende aos moto-entregadores o pagamento da periculosidade que garante uma gratificação de 30%, que atualmente só é assegurada a quem mantém contatos com produtos inflamáveis e explosivos e trabalhadores que atuam na área de energia elétrica, segurança pessoal e patrimonial. A proposta apresentada em 2003 e que já foi aprovada em 2006 pelo Senado, altera o artigo 193 da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), passou pela Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público e começou a tramitar na Comissão Constituição, Justiça e Cidadania, da qual o parlamentar sul-mato-grossense é membro titular. Nesta segunda-feira o deputado se reuniu com o presidente do Sindicato da categoria, Luiz Carlos Escobar e intercedeu junto ao relator do projeto, Victor Paulo (PR-RJ) para apresentação de uma emenda que altera o texto da proposta tornando claro que além dos mototaxistas, motoboys e motofretistas, também os moto-entregadores vão ser contemplados com a periculosidade. “O objetivo desta alteração é garantir a gratificação a todos os trabalhadores em motocicletas, independente da nomenclatura adotada em cada região do país para definir a profissão”, explica o sindicalista. Na opinião do deputado estender a periculosidade a estes trabalhadores é uma imposição da realidade atual do trânsito nos centros urbanos, onde é alto o índice de acidentes envolvendo motocicletas.