Voltar para notícias

Fabio Trad lamenta recusa de Bernal em participar de debates

19 out 2012 | Notícia | Escrito por: Redação | Compartilhe

A recusa do candidato do PP a Prefeitura de Campo Grande (MS), Alcides Bernal, em participar dos debates da TV Guanandi (agendado para o dia 24), da TV Imaculada dia 22) e do SBT(em fase de organização), além da sabatina da Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems), pegou de surpresa o eleitor campo-grandense, ávido por ouvir as propostas de Bernal e de seu adversário, o candidato do PMDB, Edson Giroto.

A recusa em participar dos debates prejudica o bom andamento do processo democrático, pois impossibilita ao eleitor mensurar quais são as propostas mais concretas para a cidade. Ao recusar-se a debater ideias, Bernal colabora para o analfabetismo político e deixa de dar um exemplo de maturidade pública.

Para o deputado federal Fabio Trad (PMDB _ MS), a atitude de Alcides Bernal é prova de seu desapreço aos métodos democráticos: “Insinua um comportamento que, se não toca o oportunismo explícito, tangencia preocupante sinal de aversão ao diálogo e ao contraditório. Na hipótese de ser eleito, deverá agir assim com os servidores municipais. Sentindo-se bem avaliado nas pesquisas, irá se trancar no seu gabinete e fará ouvidos moucos aos apelos dos que desejam dialogar”, afirmou o deputado sul-mato-grossense.

Campo Grande tem o direito de exigir que Alcides Bernal tenha a dignidade de respeitar o contraditório, participando dos debates para enfrentar as adversidades de uma campanha: “Se ele se mostra intimidado e inseguro agora, o que não deveremos pensar que fará na hipótese de enfrentar os desafios de gerir uma metrópole?”, arguiu Fabio Trad